Começando pelas coisas primeiras

Sobre o livro Poética, de Aristóteles.

Este é o primeiro parágrafo da Poética:

“Falemos da poesia  dela mesma e das suas espécies, da efetividade de cada uma delas, da composição que se deve dar aos mitos, se quisermos que o poema resulte perfeito, e, ainda, de quantos e quais os elementos de cada espécie e, semelhantemente, de tudo quanto pertence a esta indagação  começando, como é natural, pelas coisas primeiras.”

Vejam a simplicidade: se você eliminar o que tem entre os travessões, o que você vai ter?

“Falemos da poesia começando, como é natural, pelas coisas primeiras.”

Isso é o objetivo do livro, condensado em uma frase simples, com a beleza de “começar pelas coisas primeiras”, que dá todo o sentido à prática da compreensão de qualquer tema.

O que há entre os travessões pode ser enumerado em tópicos, que são os tópicos que ele vai desenvolver no trabalho. Quer ver?

“dela mesma e das suas espécies, da efetividade de cada uma delas, da composição que se deve dar aos mitos, se quisermos que o poema resulte perfeito, e, ainda, de quantos e quais os elementos de cada espécie e, semelhantemente, de tudo quanto pertence a esta indagação”

  1. dela mesma e
  2. das suas espécies,
  3. da efetividade de cada uma delas,
  4. da composição que se deve dar aos mitos, se quisermos que o poema resulte perfeito, e, ainda,
  5. de quantos e quais os elementos de cada espécie e, semelhantemente,
  6. de tudo quanto pertence a esta indagação

Então, a leitura fica fácil quando perdemos o medo de “não entender”. Só aqueles experientes entendem da primeira vez.

Sentiu alguma dificuldade? Leia em voz alta. As palavras adquirem sentido, forma, som e cor. Cuidado com a pontuação: vírgula é uma pausa curta e, depois dela, sempre vem mais alguma coisa. O ponto fecha a ideia.

Este texto se destina às pessoas que estão inscritos no Grupo Teatro Grego. Mas se você leu e gostou, considere se inscrever no curso que começa dia 15 de agosto. Informações no link http://sympla.com/casadaribeira

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *