Projeto

Curso: TEATRO GREGO

 

Há um número razoável de atividades de formação na área do teatro envolvendo aspectos variados do fazer teatral no que se refere ao trabalho do ator, à dramaturgia, e aspectos técnicos. No entanto, quase não se vê qualquer atividade sobre história do teatro, sua evolução, aspectos sociais e importância cultural nas sociedades, principalmente em nível básico. Ao lado disso, a curiosidade de pessoas de teatro e público em geral sobre o assunto é constante, e manifestada informalmente em encontros e outras oportunidades. O curso busca, ainda que de maneira rápida e informativa, suprir em parte essa demanda.

PÚBLICO ALVO

O curso se destina ao público em geral, e não só às pessoas de teatro. A idade mínima recomendada é 16 anos. O nível é iniciante, ou seja, não é necessário qualquer conhecimento prévio para frequentá-lo.

AULAS – DURAÇÃO e METODOLOGIA

O curso terá a duração de 6 horas – 3 aulas com 2 horas cada uma, sendo uma hora para exposição do tema e o restante para discussão e perguntas.

As aulas serão ministradas através do aplicativo Zoom e terão suporte com imagens e apresentações em Power-Point. As aulas ficarão disponíveis para os alunos matriculados durante uma semana após serem ministradas, e após esse prazo serão retiradas do ar.

Serão fornecidas aos alunos referências de fontes bibliográficas para quem quiser aprofundar os assuntos da aula, além de links para filmes, vídeos, etc.,

Como ferramenta pedagógica importante, será aberto um grupo no WhatsApp para que os alunos matriculados tirem dúvidas, façam perguntas e recebam sugestões de bibliografia durante o período em que o curso estiver funcionando. Ao encerrar o curso, uma semana depois, encerra-se o grupo.

Materiais adicionais serão postados aqui neste site.

AVALIAÇÃO

Como não é um curso de formação mas sim de informação não haverá exigência de tarefas nem de avaliação.

PROGRAMA

TEATRO GREGO

15 de agosto, sábado, 15-17h

Teatro grego: conceitos básicos. Evolução do espaço. Os concursos. Aristóteles e A Poética. As partes da tragédia: encenação, melopeia, elocução, mito ou fábula, caráter e pensamento. Estrutura do mito. Unidades de ação. Peripécia e reconhecimento. Nó e desenlace. Catástrofe.

22 de agosto, sábado, 15-17h

A essência do trágico. “Métron” e “hybris”. Ésquilo, o primeiro dos grandes dramaturgos e sua trilogia Orestéia, composta das peças Agamemnon, As Coéforas e As Eumênides. Duas interpretações; matriarcado x patriarcado, “guénos” x “pólis”.

29 de agosto, sábado, 15-17h

Sófocles e a Trilogia Tebana. A maldição familiar. Édipo Rei: a mais perfeita das tragédias gregas. Antígona: conflito estado x indivíduo. Eurípides com Medeia, uma tragédia de amor e ódio, e a volta ao caos com As Bacantes

BIBLIOGRAFIA

ARISTÓTELES. A Poética. Col. Os Pensadores. São Paulo, Ed. Abril Cultural, 1979. Tradução de Eudoro de Souza.

BRANDÃO, Junito de Souza. Teatro Grego: tragédia e comédia. 5. ed. Petrópolis, Vozes, 1985.

COSTA, Lígia M. da & REMÉDIOS, M.L.R. A Tragédia: estrutura e história. São Paulo, Ática, 1988.

ÉSQUILO. Orestéia. Trad. Mário da Gama Kury. Rio de Janeiro, Zahar 1991.

EURÍPIDES. Ifigênia em Áulis, As Fenícias, As Bacantes. Trad. De    Mario da Gama Kury. Rio de Janeiro, Zahar, 1990

SÓFOCLES. A trilogia Tebana. Trad. De Mario da Gama Kury. Rio de Janeiro, Zahar, 1990.

A PROFESSORA

Natural de Campina Grande e radicada em Natal, CLOTILDE TAVARES é escritora, dramaturga, atriz, professora de teatro e pesquisadora em cultura popular. Já publicou mais de 30 títulos entre peças teatrais, livros e folhetos de cordel. Mantém sites na Internet, administra grupos de discussão, clubes de leitura e está presente no Twitter, Facebook, Instagram, no seu canal do YouTube e no blog http://umaseoutras.com.br, sempre com temas culturais.

OUTRAS INFORMAÇÕES

Facebook: www.facebook.com/clotilde.tavares

Blog: www.umaseoutras.com.br

Twitter @clotildetavares

Instagram: @clotildeescritora

YouTube: Clotilde comenta.

Podcast: Umas & Outras

E-mail: clotilde.sc.tavares@gmail.com

Fone 84 98723 1518